Série Como Gerenciar Dispositivos em Trabalho Remoto? – Parte 1 Google

Bom dia pessoal,

O trabalho remoto efetivamente aumentou sua capilaridade e um dos desafios que as empresas encontram é como gerenciar seus equipamentos, dispositivos, acessos, perfis de usuários a distância mantendo a privacidade e segurança dos dados acessados pelos usuários nesse novo regime.

O departamento de TI enfrenta esses desafios e as empresas estão sempre buscando uma forma de ajuda-los em como fazer essa gestão.

Vamos falar de 2 sistemas de gerenciamento que podem ajudar as empresas nesse processo e o post de hoje é sobre o Google Enterprise com base no ChromeOS e seus Chromebooks.

Por termos escolhido primeiramente o ChromeOS, vamos além de falar sobre o gerenciamento, como o ChromeOS pode ajudar alguns negócios que são cases de sucesso de migração para o ecosistema Google e ainda dar 5 dicas de como implementar o ChromeOS em uma organização!

CHROME ENTERPRISE

Os Chromebooks são equipamentos que estão crescendo no Brasil e já são muito utilizados no mundo todo! O apelo inicial era educacional mas muitas empresas podem tirar vantagens desse ecosistema até pelo fato dele suportar aplicativos Android agora ( não todos ainda mas além de estarem crescendo, a maioria deles é suportada ).

Equipamentos leves, excelente bateria e um ecosistema bem integrado fazem dele uma excelente opção custo x benefício pois não leva apenas em consideração o hardware mas sim todo o ecosistema Google!

Escrevemos um artigo recente sobre os chromebooks, você pode ler mais sobre eles clicando aqui!

Algumas vantagens de usar o gerenciamento de Chromebooks

  • Administradores podem restringir atividades no Chromebook como bloquear navegações específicas
  • Garantir o Safe Search e o modo restrito no Youtube
  • Impedir abusos ou violações de políticas em sites inadequados
  • Implementar o modo Kiosk fazendo com que permaneçam na mesma aplicação
  • Pré-Instalação ou bloqueio de aplicativos e extensões
  • Se o produto for extraviado, mesmo que alguém exclua o sistema operacional inteiro o produto só poderá ser utilizado com uma conta definida
  • Possibilidade de verificar quais foram os últimos usuários logados
  • Personalizar a área de trabalho com papel de paredes informativos
  • Padronização de configurações como idioma, teclado, rede de forma automática
  • Monitoramento de falhas do sistema, armazenamento e etc.
  • Configurar saúde da bateria como entrar em modo hibernação por falta de utilização em x tempo
  • Configurar quais redes wifi podem ser acessadas sem necessidade compartilhamento de senhas

Segundo o IDC os Chromeboks gerenciados exigem:

  • MENOS 67,9% de esforço de TI
  • MENOS 91,9% problemas
  • MENOS 74,6% esforços em aplicar configurações de segurança
  • MENOS 70% esforços em gerenciar atualizações
  • MENOS 90,4% de reinicializações
  • MENOS 86,4% em perdas de arquivos
  • MENOS 99,6% em formatações
  • MENOS 27,0% em falhas de hardware

Fonte Google: https://cloud.google.com/chrome-enterprise/chromebooks/tco-calculator/

Segundo o Google você também pode obter algumas vantagens com dispositivos compartilhados e os individuais

DISPOSITIVOS COMPARTILHADOS

  • 295% de retorno do investimento*
  • 3 horas economizadas por dispositivo para funcionários a cada semana*
  • USD 477,000.00 em economia com gerenciamento de TI*

DISPOSITIVOS INDIVIDUAIS

  • 121% em Retorno de Investimento*
  • 6 meses é o período de ROI em Hardware e Software*
  • USD3,1 Milhões em melhoria de produtividade e redução de tempo de inatividade*

*Estudo Total Economic Impact encomendado pelo Google pela Forrester Consulting

*Benefício total ao longo de 3 anos

APLICAÇÃO DOS ChromeBooks

Muitos acham que ele esta restrito a área da educação, onde ele realmente é muito forte mas as aplicações que vamos mostrar abaixo são para outras verticais onde ele se ajusta perfeitamente!

No mundo da educação ele é líder pois possui inumeras vantagens e faremos um artigo dedicado a ele na área de educação mas aqui vamos falar de outras aplicações comerciais

FUNCIONÁRIOS LINHA DE FRENTE

Capacite seus funcionários da linha de frente com a nuvem

Ao investir nos seus funcionários da linha de frente, você está investindo nos seus negócios. O Chrome Enterprise tem produtos nativos e de design seguro e ajuda nessa missão.

Os funcionários de linha de frente são espinhas dorsais de vários tipos de negócios

Equipe seus funcionários da linha de frente
com o Chrome Enterprise

Vantagens do ChromeOS para equipes de linha de frente

Produtos Versáteis para Vários Cases

Informatize o treinamento e engajamento

Aumente a retenção e melhore a experiência do cliente.

Produtos:

Informações em qualquer lugar

Dê aos seus funcionários móveis maior acesso aos dados para uma tomada de decisões mais bem informada.

Produtos:

Simplifique os centros de atendimento

Aumente sua eficiência com tecnologia simplificada e escalonável.

Produtos:

Capacite seus funcionários da linha de frente

Uma força de trabalho informada gera uma melhor experiência do cliente e um aumento de receita.

Produtos:

Como o Chrome Enterprise
funciona na minha organização?

Grab and Go

Mantenha a força de trabalho da sua empresa em movimento com o programa de empréstimo de Chromebooks. Saiba mais

Self-Service de ChromeBooks

Imagine uma plataforma com Chromebooks no seu local de trabalho. Os funcionários podem pegar um dispositivo e começar a trabalhar em minutos. Quando terminar de usar, basta entregá-lo para o próximo usuário, sem precisar reconfigurá-lo.

Até utilizar um SmartLocker centralizado ou dedicado pode ser um excelente centro de suporte, substituição e manutenção dos Chromebooks

Este programa é ideal para:

  • Empréstimo de dispositivos
  • Funcionários temporários
  • Substituição do thin client
  • Funcionários principais
  • Frotas de dispositivos compartilhados
  • Frotas de dispositivos locados

Varejo

Crie um ambiente melhor na loja para funcionários e compradores com ajuda da nuvem. Saiba mais

Nuvem para criar um melhor atendimento e ambiente na loja
Empresas que investem nesses 2 pontos podem ser 4X mais rentáveis

Outras vantagens para o varejo

  • Transações Self-Service: clientes fazem o processo de pagamento, touchless
  • Serviço de Apoio ao Consumidor: ajudar os clientes a fazer as melhores compras em seu estabelecimento
  • Experiência Personalizada: Experiência instore personalizada aumentando a satisfação e experiência do usuário
  • Touchless: proporciona a experiência sem toque ou contato
80% dos compradores preferem lojas que oferecem experiências personalizadas

Saúde

Revolucione o atendimento ao paciente usando soluções com base na nuvem que fornecem acesso oportuno e seguro a informações.

Case de saúde com Chromebooks
Alguns benefícios para vertical da saúde

Recupere 156 horas de produtividade por funcionário ao ano com estações e dispositivos compartilhados

Estudo Accenture sobre hospitais com melhores experiências para pacientes

5 dicas para ajudar na adoção do ChromeBooks para seu negócio

Como planejar a adoção dos Chromebooks nas empresas

Focado no conceito Smart IT Investment o Google triplicou o uso dos seus chromebooks entre 2017 e 2018 internamente na Alphabet e aprendeu muito com isso!

Por isso eles criaram um plano de adoção sugerido…vamos pontua-lo abaixo

1- Pergunte ou Descubra o que seus funcionários querem e precisam com seus dispositivos

Existem várias possibilidades de selecionar dispositivos. Naturalmente coisas como performance, especificações, segurança são sempre os topos da lista mas é sempre importante manter em mente as prioridades e a melhor prática é perguntar a eles.

Prioridades descobertas pelo Google

  • Dispositivos leves
  • Mobilidade
  • Bateria com longa duração
  • Tela touch
  • Equipamento de alta qualidade
  • Suporte Rápido do time de TI

2. Decida se os chromebooks devem ser obrigatórios ou uma opção

Depois da descoberta é importante decidir se você vai deixar a escolha do dispositivo por parte dos usuários ou será uma decisão mandatória!

Se você decidir por ser uma decisão mandatória, comece com usuários chave para que eles possam dar feedbacks e refinar sua estratégia.

Usuários tendem a não aceitar mudanças e isso deve ser feito de forma leve e mostrando sempre os benefícios da sua escolha de forma transparente. Seus usuários chave também serão “embaixadores” da sua escolha e ajudarão a aumentar a adoção dos outros usuários.

3. Treine os usuários iniciantes para serem profissionais de ChromeBook

Depois de fazer o onboarding de milhares de Googlers para Chromebooks o Google aprendeu algumas coisas para uma rápida aceitação por parte dos usuários. Uma das opções de adoção gradual seria:

  • SEMANA 1: Foco no onboarding dos usuários com as suas aplicações mais críticas de dia-a-dia como email, calendários, aplicativos internos e acessos a sistemas da empresa
  • SEMANA 2: Ajude os usuários a personalizar seus equipamentos mostrando como personalizar workflows, seus aplicativos favoritos e suas contas pessoais
  • SEMANA 3 em diante: Compartilhe recursos para ajudar os usuários em sua produtividade como dicas de teclas de atalho, FAQ, treinamentos em vídeo e qualquer conteúdo que você considere interessante e os mantenha engajados

4. Monitore a adoção e siga em frente

Com o monitoramento você pode ter um dashboard que pode responder algumas questões da adoção, como por exemplo

  • Quantos usuários estão com o ChromeBook?
  • Quantos deles estão usando como dispositivo principal?
  • Quantos deles atualizaram seus dispositivos para o ChromeBook?
  • Taxa de atribuição de Chromebooks para novos funcionários
  • Como a plataforma ChromeOS é comparada com outras plataformas?

Com essas informações você tem insights para criar uma atratividade para a plataforma e refinar suas metas de implementação.

5. Compartilhe o feedback com usuários

Manter todos engajados pode ser um desafio, portanto compartilhar feedbacks mesmo os negativos (desde que você já tenha uma solução para eles) é importante para manter todos seguros do bom funcionamento da plataforma na empresa.

E você? já usou um chromebook?? qual foi sua experiência?? conta para gente!!

Fontes: Google

2 Replies to “Série Como Gerenciar Dispositivos em Trabalho Remoto? – Parte 1 Google”

Deixe uma resposta para i-art.tech Cancelar resposta